Rede de computadores do Senado dos EUA é invadida por hackers

segunda-feira, 13 de junho de 2011 20:53 BRT
 

WASHINGTON (Reuters) - A autoridade que gerencia a segurança do Senado dos Estados Unidos confirmou na segunda-feira que o site da instituição foi hackeado no fim de semana e que foi determinada uma revisão total de todos os computadores do Senado.

"Apesar dessa intrusão ser inconveniente, isso não compromete a segurança da rede do Senado, de seus membros ou de seus funcionários", disse um sargento da segurança.

"Especificamente, não há conta individual de usuários no servidor senate.gov que possam ter sido comprometidas."

A revelação aconteceu depois que um grupo autodenominado Lulz Security disse ter invadido a rede do Senado norte-americano.

O Lulz Security, que hackeou o site da Sony e o da rede de televisão Public Broadcasting System, publicou na Internet uma lista de arquivos que não parecem ser confidenciais. Porém, eles indicam que os hackers acessaram a rede de computadores do Senado.

(Reportagem de Diane Bartz e Thomas Ferraro)