Google é processado por rival francesa 1plusV

terça-feira, 28 de junho de 2011 12:13 BRT
 

Por Foo Yun Chee

BRUXELAS (Reuters) - O mecanismo de buscas na Internet francês 1plusV afirmou ter aberto um processo de 295 milhões de euros (418 milhões de dólares) contra o Google, alegando que a companhia norte-americana usa sua dominância para golpear rivais.

Assim como a Microsoft, a empresa francesa é uma das quatro que acusaram o Google de abuso de sua posição dominante do mercado. O Google estaria rebaixando sites de rivais nos resultados de suas buscas e dando preferência a seus próprios serviços. A acusação motivou uma investigação da Comissão Europeia.

A Federal Trade Commission dos Estados Unidos também abriu, na semana passada, uma investigação formal sobre as práticas de mercado do Google, aumentando as perspectivas de uma prolongada batalha regulatória dos dois lados do Atlântico.

A 1plusV, dona do site jurídico e mecanismo de buscas Ejustice.fr, afirma que o Google a impediu de desenvolver mecanismos de busca "verticais" e prejudicou sua habilidade de gerar negócios e publicidade. O processo reclama de perda de lucros no passado e no futuro.

"Entre 2007 e 2010, não menos de 30 mecanismos de busca verticais criados pelo 1plusV foram postos em uma lista negra, alguns dos quais mostravam um potencial significativo", afirmou.

O Google disse que foi notificado da queixa.

"Acabamos de recebê-la, então não podemos comentar em detalhes no momento", disse o porta-voz do Google Al Verney. "Sempre tentamos fazer o melhor para nossos usuários. É o princípio chave que move nossa companhia e estamos ansiosos para explicar isso."