Canon considera desenvolver câmera compacta sem espelho

terça-feira, 5 de julho de 2011 16:15 BRT
 

Por Isabel Reynolds e Reiji Murai

TÓQUIO (Reuters) - A Canon, maior fabricante mundial de câmeras, está estudando a possibilidade de lançar um modelo sem espelho, que ofereceria muitas das capacidades das câmeras SLR, mais sofisticadas, em um formato compacto, disse um executivo da companhia.

A Canon restabeleceu, no final de junho, a produção de câmeras ao nível anterior ao do terremoto, após dificuldades de suprimento que restringiram a operação em função do desastre de 11 de março, disse Misaya Maeda, diretor da divisão de câmeras da Canon, em entrevista à Reuters, nesta terça-feira.

A empresa planeja agora elevar a capacidade de produção de suas fábricas em Taiwan, o que ampliaria seu potencial de produção de câmeras SLR a 10 milhões de unidades anuais, ante atuais 7 milhões, disse Maeda.

Concorrentes como a Sony oferecem modelos sem espelhos, o que permite a comercialização de acessórios lucrativos, como lentes, para consumidores que querem trocar suas câmeras compactas por modelos mais sofisticados, mas não desejam carregar câmeras volumosas com lentes intercambiáveis.

Havia especulações de que Canon e Nikon, que juntas respondem por 75 por cento do mercado de câmeras de maior valor agregado, poderiam seguir esse exemplo.

Alguns analistas alertaram que entrar no segmento emergente poderia expor a Canon a maior concorrência de preços, mas outros afirmaram que a credibilidade da companhia entre os fotógrafos a ajudaria a superar o risco.

"Caso eles façam a divulgação correta e diferenciem essa câmera de seus demais produtos, a decisão será positiva," disse o analista Tetsuya Wadaki, da Nomura Securities, em Tóquio.

"A credibilidade das câmeras da Canon no mercado está em nível diferente ante os produtos de outros fabricantes," acrescentou.

"Pessoas que não pensavam em comprar uma câmera sem espelho provavelmente comprariam a versão da Canon. Mas a empresa precisa cuidar para não perder vendas das suas câmeras compactas mais sofisticadas, que resultam em bons lucros".