Anonymous diz ter hackeado fornecedora do governo dos EUA

sexta-feira, 29 de julho de 2011 19:44 BRT
 

WASHINGTON, 29 de julho (Reuterss) - Hackers do grupo Anonymous afirmaram nesta sexta-feira terem invadido a rede da prestadora de serviços do governo norte-americano Mantech e publicaram na Internet correspondências relacionadas à Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

O Anonymous, por meio de sua página no Twitter, revelou a correspondência entre a Mantech e a Otan como prova da invasão. Duas envolvem escritórios de contratações da Otan e uma discute o envio de funcionários a uma unidade chamada "Teatro de Operações da Otan", que parece se referir a serviços de tecnologia.

A Mantech, que afirma ter os departamentos de Defesa, de Estado e de Justiça dos EUA entre seus clientes, se recusou a comentar o assunto. A empresa oferece serviços de segurança na Internet, entre outros.

Hackers associados aos grupos Anonymous e Lulz Security assumiram a autoria de ciberataque à Agência Central de Inteligência (CIA) dos EUA, ao Senado norte-americano, a sites da Sony e ao site do grupo de mídia do britânico Rupert Murdoch, News International, entre outros.

(Reportagem de Diane Bartz)