Lucro da TIM Participações sobe 178% no 2o tri, a R$ 350 mi

terça-feira, 2 de agosto de 2011 22:06 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A TIM Participações teve um lucro líquido de 350 milhões de reais no segundo trimestre deste ano, alta de 178 por cento em relação ao mesmo período do ano passado, uma vez que a base de clientes aumentou.

O resultado superou a média de seis estimativas de analistas ouvidos pela Reuters, que indicava um lucro líquido de 298 milhões de reais.

A companhia disse que a performance do trimestre passado foi devido, em grande parte, ao crescimento de 25 por cento na base de clientes, chegando a 55,5 milhões de linhas.

A receita líquida da empresa foi de 4,3 bilhões de reais no segundo trimestre, um avanço de 19,5 por cento em relação aos 3,6 bilhões de reais um ano antes.

A geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebtida, na sigla em inglês) alcançou 1,13 bilhão de reais, alta de 12,7 por cento ante 1 bilhão de reais no segundo trimestre de 2010.

Já a margem Ebtida da companhia passou de 28,4 por cento para 26,8 por cento, na mesma base de comparação.

A TIM tem ganhado mercado em telefonia móvel e alcançou a Claro no segundo lugar do ranking. Ambas possuem 25,55 por cento de participação de mercado no Brasil, segundo a Anatel.

A companhia também tem investido para promover seu crescimento, principalmente em rede. Em 8 de julho, a TIM anunciou a compra da Atimus, antes uma empresa de telecomunicações do grupo AES Brasil, por 1,6 bilhão de reais, com o objetivo de crescer no mercado residencial de Internet.

Na semana seguinte, a empresa anunciou que faria uma parceria com a Telebrás para fornecer serviços dentro do Plano Nacional de Banda Larga (PNBL) do governo, que pretende popularizar o acesso à Internet rápida no país.

(Por Sérgio Spagnuolo)