Huawei aposta na computação em nuvem com smartphone Vision

quarta-feira, 3 de agosto de 2011 16:10 BRT
 

Por Wan Xu e Lee Chyen Yee

PEQUIM/HONG KONG (Reuters) - A chinesa Huawei, segunda maior fabricante de equipamentos de rede do mundo, lançou nesta quarta-feira o Vision, um smartphone com recursos de computação em nuvem.

O novo modelo é uma tentativa de aproveitar o boom do setor de aparelhos móveis, que causou um aumento de 64 por cento nas vendas de sua unidade de dispositivos eletrônicos no primeiro semestre.

A companhia , conhecida por seus celulares de baixo custo, está apostando que o novo modelo a ajudará a replicar seu sucesso com os equipamentos de telecomunicações no mercado de smartphones, enfrentando empresas como Nokia, Apple e Samsung Electronics.

A plataforma Cloud+, da Huawei, permitirá que usuários armazenem músicas, vídeos, fotos, e-mails, entre outros, em servidores remotos e os acessem pela Internet por seus smartphones.

"Com esse smartphone, nosso alvo é o que chamamos de jovens das redes sociais", disse Victor Xu, vice-presidente de estratégia e marketing da Huawei Device, a jornalistas no lançamento do smartphone em Pequim.

A Huawei pretende vender mais de um milhão de unidades do smartphone em 2011, que vem com o popular jogo Angry Birds pré-instalado.

Executivos da companhia não revelaram detalhes sobre o preço, mas afirmaram que ele não será inferior a 2 mil iuans (305 dólares). O iPhone 4, da Apple, custa 4.999 iuans (ou 762 dólares) na China.

Smartphones com recursos de computação em nuvem permitirão que usuários baixem arquivos sem precisar de muito espaço de armazenagem em seus aparelhos.