Huawei se aproxima da Ericsson, vê crescimento nas vendas

segunda-feira, 15 de agosto de 2011 15:51 BRT
 

Por Lee Chyen Yee

HONG KONG (Reuters) - A chinesa Huawei , segunda maior fabricante mundial de equipamentos de rede, apurou um avanço de 11 por cento em suas vendas no primeiro semestre, aproximando-se da líder Ericsson.

A Huawei, uma das empresas chinesas mais conhecidas do setor, enfrenta dificuldades com a fragilidade da economia global devido aos impasses quanto às dívidas dos Estados Unidos e da Europa, que podem prejudicar os gastos mundiais com telecomunicações.

No entanto, a empresa pretende contar mais com as vendas de seu tablet MediaPad e de smartphones para estimular o crescimento, o que a coloca em competição com companhias globais como Apple e Samsung.

A companhia afirmou estar a caminho de atingir vendas anuais de 199 bilhões de iuans (31 bilhões de dólares), enquanto espera-se que as vendas da Ericsson cheguem a 227,6 coroas suíças (35 bilhões de dólares) este ano, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

Analistas afirmaram que, mesmo havendo incertezas globais, um aumento nos gastos das operadoras de telecomunicações chinesas como China Mobile, China Unicom e China Telecom pode ajudar a Huawei no segundo semestre.

"Alguns dos maiores projetos de telecomunicações na China que estavam planejados para este ano foram postergados para o segundo semestre", disse Kelvin Ho, analista da Yuanta Securities, em Xangai. "Então talvez os resultados do primeiro semestre de algumas das vendedoras de equipamentos, especialmente as chinesas, possam não ser tão bons quanto se havia esperado".

A Huawei registrou vendas de 98,3 bilhões de iuans (15 bilhões de dólares) no primeiro semestre, alta de 11 por cento sobre um ano antes, afirmou a empresa em um comunicado nesta segunda-feira, ficando atrás de algumas concorrentes em vendas.

As vendas da Ericsson no primeiro semestre subiram 16 por cento para 107,7 bilhões de coroas suíças, enquanto a rival chinesa de menor porte ZTE teve crescimento de 21,6 por cento no lucro operacional, para 37,35 bilhões de iuans durante o mesmo período.

A Huawei Device, divisão que vende celulares, cartões wireless e tablets, registrou salto de 40 por cento no envio de aparelhos para 72 milhões de unidades, com um aumento de 64 por cento nas vendas para 4,2 bilhões de dólares.