Ações da Apple recuam 4% após renúncia de Steve Jobs

quinta-feira, 25 de agosto de 2011 08:25 BRT
 

(Reuters) - As ações da Apple recuavam mais de 4 por cento antes da abertura das bolsas norte-americanas nesta quinta-feira, um dia após Steve Jobs renunciar ao cargo de presidente-executivo da companhia, passando o comando ao vice-presidente operacional Tim Cook.

A renúncia aumentou rumores de que as condições de saúde de Jobs tenham piorado. O executivo sobreviveu a um câncer no pâncreas e estava de licença médica desde 17 de janeiro.

"Embora a notícia possa pesar sobre as ações no curto prazo, acreditamos que o modelo da empresa foi criado para durar, sustentando uma forma de vida digital que outros representantes da indústria ainda precisam desafiar", afirmou o JPMrgan em nota a clientes.

O banco acrescentou que a notícia pode criar um ponto de entrada atrativo para investidores que querem formar posições mais longas na Apple.

(Por Sayantani Ghosh em Bangalore)