26 de Agosto de 2011 / às 16:23 / 6 anos atrás

Chairman do Google tenta conquistar líderes da TV britânica

Por Georgina Prodhan

LONDRES (Reuters) - O presidente do conselho de administração do Google, Eric Schmidt, fará uma palestra a profissionais de TV britânicos, nesta sexta-feira, depois de uma grande aquisição que pode tornar sua companhia um real rival pelas verbas publicitárias de TV.

Schmidt será a primeira pessoa de fora do setor de TV a fazer a palestra McTaggart, o momento mais importante do festival de televisão de Edimburgo, nos 35 anos de história do evento.

Até o momento, o relacionamento entre o Google e a liderança do setor de TV vem sendo complicada.

“Continua a existir cautela generalizada no setor de TV, entendido em termos amplos, diante do que o Google pretende fazer”, disse o analista Dan Cryan, da IHS Screen Digest, uma companhia britânica de pesquisa de mídia.

“O que assusta qualquer companhia de TV é o potencial de que o Google invada seu espaço e venda anúncios a seus clientes”, acrescentou.

O Google tem ambições no campo da televisão há muito tempo, com a esperança de estender o alcance de suas operações de publicidade online, que renderam 28 bilhões de dólares para companhia no ano passado, às telas televisivas que ainda respondem pela parte do leão nas verbas publicitárias mundiais.

Até o momento, a companhia obteve pouco sucesso, apesar de controlar o site de vídeo online mais popular do planeta, o YouTube.

O Google TV, que permite que usuários acessem conteúdo de Internet em seus televisores por meio de um navegador, foi lançado em outubro nos Estados Unidos.

Entretanto, o serviço foi rapidamente bloqueado pelas principais redes de TV do país --NBC, CBS e ABC-- e pelo site de vídeo online Hulu, uma parceria entre as grandes companhias de mídia. O sistema também recebeu críticas negativas.

Em julho, a Logitech reduziu o preço do Revue, seu aparelho para o sistema Google TV, de 299 para 99 dólares.

Na semana passada, porém, o acordo para aquisição da Motorola Mobility pelo Google por 12,5 bilhões de dólares transferiu ao controle da companhia o principal fabricante mundial de decodificadores televisivos, usados para transmitir o conteúdo de muitas das maiores companhias de TV a cabo dos EUA.

Reportagem adicional de Alexei Oreskovic em San Francisco

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below