Sprint Nextel vai a Justiça contra oferta da AT&T pela T-Mobile

terça-feira, 6 de setembro de 2011 18:25 BRT
 

Por Andrew Longstreth

NOVA YORK (Reuters) - A Sprint Nextel iniciou um processo nos Estados Unidos para impedir a AT&T de continuar com uma oferta de 39 bilhões de dólares para adquirir as operaçóes da T-Mobile no país.

A Sprint, terceira maior operadora dos EUA, afirma que a operação levaria a aumento dos preços para os consumidores e um duopólio entre a AT&T e a Verizon Communications.

"A proposta de compra da T-Mobile é extremamente anticompetitiva", afirma a empresa em documentos enviados à Justiça norte-americana.

Além disso, a Sprint considera que a nova empresa criada por meio da operação poderia usar sua posição de mercado para excluir os demais competidores e "forçaria consumidores a se submeterem a preços mais altos, negando os frutos de vigorosas inovações".

Representantes da AT&T e da Sprint não estavam disponíveis para comentários.

Caso não obtenha a aprovação regulatória para a compra da T-Mobile, a AT&T deverá pagar uma taxa de quebra de contrato estimada em 6 bilhões de dólares para a Deutsche Telekom, que controla a T-Mobile. O acordo de venda entre as empresas foi anunciado em março deste ano.

(Reportagem adicional de Diane Bartz e Supantha Mukherjee)