EUA investigam criminalmente funcionários do eBay

quarta-feira, 14 de setembro de 2011 10:25 BRT
 

Por Alexandra Sage e Dan Levine

SAN FRANCISCO, Estados Unidos (Reuters) - Promotores públicos norte-americanos iniciaram uma investigação criminal para determinar se funcionários do eBay roubaram informações confidenciais do site de classificados Craigslist quando o eBay estava tentando criar um serviço rival, de acordo com uma cópia de uma intimação obtida pela Reuters.

As duas empresas vêm travando uma disputa há anos na Justiça civil quanto a alegações de que o gigante dos leilões online eBay adquiriu participação acionária no Craigslist e depois se apoderou indevidamente de informações confidenciais, enquanto planejava secretamente um site semelhante.

A intimação pede informações sobre diversas figuras do eBay, entre as quais o fundador e presidente do conselho Pierre Omidyar e Joshua Silverman, antigo presidente-executivo do Skype que servia como representante do eBay no conselho do Craigslist.

Uma porta-voz do eBay, Amanda Miller, disse que a companhia cooperaria com qualquer investigação relacionada às suas disputas com o Craigslist.

"O eBay acredita que as alegações do Craigslist contra a empresa não têm mérito," afirmou Miller em email na terça-feira. "Continuaremos a nos defender vigorosamente, e a manter agressivamente nossas demandas judiciais contra o Craigslist."

No ano passado, um juiz estadual do Delaware determinou que o Craigslist teve razão na decisão de excluir um representante do eBay de seu conselho. O juiz também decidiu que o Craigslist não tinha direito de diluir a participação acionária de 28,4 por cento que o eBay detém na companhia.

Representantes do Craiglist não comentaram o assunto.

RJ Hottovy, analista de ações da Morningstar, disse que poderia haver implicações para executivos em nível de vice-presidente.

"Embora as alegações sejam sérias, não creio que representem grande preocupação para os investidores", afirmou Hottovy. "Classificados são uma parte menor dos negócios do eBay."