Acionista pede mudanças no Yahoo a fundador da empresa

quarta-feira, 14 de setembro de 2011 13:28 BRT
 

(Reuters) - O acionista do Yahoo Daniel Loeb pediu ao cofundador do site Jerry Yang a demissão do presidente do conselho da empresa, Roy Bostock, e de vários outros diretores como forma de recuperar a companhia após anos de performance fraca.

Loeb dirige o fundo de hedge Third Point, que tem 5 por cento de ações do Yahoo.

Depois de pedir a demissão de Bostock na semana passada, Loeb falou ao telefone com ele e Yang, cobrando "uma mudança de liderança desesperadamente necessária".

Durante a conversa, Bostock não "reconheceu qualquer responsabilidade" pelos problemas da companhia, afirmou Loeb em documento à Securities and Exchange Commission, órgão regulador do mercado norte-americano. Loeb afirmou ainda que "provavelmente" ele não vai renunciar do posto no conselho.

Em seguida, Loeb escreveu para Yang nesta quarta-feira mostrando apoio e oferecendo uma lista de candidatos "que poderiam trazer o Yahoo de volta ao lugar devido entre as maiores companhias de tecnologia e de mídia digital do mundo".

"Como um fundador e grande acionista da companhia, o atual histórico de liderança deve influenciá-lo pessoalmente, além de prejudicar seu valor líquido. Pedimos que você faça a coisa certa para todos os acionistas do Yahoo e pressione por uma mudança de liderança desesperadamente necessária", escreveu Loeb a Yang.