Net, Embratel e Claro farão anúncio conjunto na 4a

terça-feira, 4 de outubro de 2011 17:11 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - As três companhias no Brasil do bilionário mexicano Carlos Slim --Net, Embratel e Claro-- farão um anúncio conjunto na quarta-feira, segundo aviso de pauta encaminhado à imprensa nesta terça-feira.

O convite não informa o assunto, mas analistas ouvidos pela Reuters disseram que o anúncio deve ser orientado à integração e busca de sinergias das operações brasileiras de Slim.

Os presidentes das três empresas estarão presentes na entrevista coletiva: José Antônio Félix (Net), Carlos Zenteno (Claro) e José Formoso (Embratel).

Com a ratificação presidencial em setembro do projeto de lei 116 (PL-116), que regula o setor de TV paga no país, companhias estrangeiras podem ser controladoras de distribuidoras de conteúdo nacionais.

A América Móvil --que foi o veículo escolhido por Slim para consolidar os ativos no México-- agora poderia assumir o controle indireto da Net, maior operadora de TV paga do Brasil, via subsidiária Telmex. Atualmente, a maioria do capital votante da Net está nas mãos das Organizações Globo.

"Claro e Embratel estavam fazendo integração, e a Net dependia do PL 116", disse um analista sob condição de anonimato, acrescentando que, caso de fato ocorra o anúncio, já era algo esperado.

A rival Telefônica Brasil --que incorporou a operadora móvel Vivo recentemente-- já fez algumas movimentações neste sentido após a aprovação da lei, ao adquirir 49 por cento de participação na Lemontree Participações, grupo que detém 80,1 por cento das ações ordinárias da TVA.

(Por Sérgio Spagnuolo)