Tropeço da Apple com iPhone 4S pode abrir porta para rivais

quarta-feira, 5 de outubro de 2011 12:16 BRT
 

Por Clare Jim e Miyoung Kim

TAIPEI/SEUL (Reuters) - Os fabricantes rivais de celulares podem ter uma chance de explorar um raro vacilo da Apple no lançamento de seu iPhone 4S, que não encantou os fãs da empresa, para conquistar participação maior no segmento mais lucrativo do mercado de telefonia, afirmaram analistas nesta quarta-feira.

Agentes de mercado apontaram, entretanto, que a Apple decidiu manter os modelos de iPhone mais antigos, reduzindo os preços, o que pode ajudá-la a aumentar vendas nos segmentos de preço mais baixo e nos mercados em desenvolvimento, dominados pela Nokia e Samsung Electronics.

"A Apple já não está em vantagem, e seu serviço em nuvem ficou para trás do (sistema operacional do Google) Android. Agora, ela só pode vender aproveitando a fidelidade à marca," disse C. K. Lu, analista da Gartner em Taipei.

"Os usuários podem esperar para comprar o próximo iPhone. Quem não puder esperar talvez mude para marcas que ofereçam especificações mais avançadas," acrescentou.

O iPhone, lançado em 2007 com a tela de toque que todos os rivais adotaram posteriormente, provou ser o novo padrão no crescente mercado de smartphones, e as vendas cada vez mais altas prejudicaram os ambiciosos planos de muitos concorrentes.

Mas as ações da Samsung Electronics, HTC e LG Electronics, que fabricam celulares que utilizam o Android, avançaram depois que a Apple lançou o iPhone 4S na terça-feira.

Na Europa, as ações da Nokia e da Ericsson, que detém metade da joint-venture Sony Ericsson, mostravam alta de 2,4 por cento no começo do pregão desta quarta-feira.

"A Nokia deve se beneficiar do fato de que o novo modelo da Apple não enfatiza o design e, contrariando alguns rumores, a empresa não oferecerá nada novo para o crucial segmento médio do mercado," afirmaram analistas da Nordea em nota.   Continuação...