Bill Gates diz que sentirá "imensa" falta de Steve Jobs

quarta-feira, 5 de outubro de 2011 22:28 BRT
 

SEATTLE (Reuters) - O cofundador e chairman da Microsoft, Bill Gates, deu adeus ao amigo de longa data e concorrente Steve Jobs nesta quarta-feira, usando as próprias palavras do cofundador da Apple em sua homenagem.

"Para aqueles de nós que tivemos a sorte de trabalhar com ele, foi uma honra loucamente grande", disse Gates em comunicado enviado por e-mail. "Vou sentir falta de Steve imensamente."

"Loucamente grande" era uma das expressões favoritas de Jobs. "O mundo raramente vê alguém que teve o impacto profundo que teve Steve, cujos efeitos serão sentidos por muitas gerações", disse Gates.

Gates, de 55 anos, e Jobs, 56, foram figuras semelhantes no desenvolvimento inicial de computadores pessoais nas décadas de 1970 e 1980. Eles se tornaram amigos e concorrentes ferozes.

"Steve e eu nos conhecemos há quase 30 anos, e fomos colegas, concorrentes e amigos ao longo de mais de metade de nossas vidas", afirmou Gates.

"Estou verdadeiramente triste ao saber da (sua) morte", disse ele. "Melinda e eu enviamos nossas sinceras condolências à sua família e aos amigos, e a todos que Steve tocou através de seu trabalho."

 
O cofundador e chairman da Microsoft, Bill Gates, participa de um evento em Davos, na Suíça, em janeiro. Ele disse nesta quarta-feira que sentirá uma falta "imensa" do amigo Steve Jobs, ex-CEO e cofundador da Apple que morreu nesta quarta. 28/01/2011 REUTERS/Vincent Kessler