Sony pode comprar fatia da Ericsson em joint-venture--jornal

quinta-feira, 6 de outubro de 2011 17:27 BRT
 

Por Tarmo Virki

(Reuters) - A Sony está perto de um acordo para comprar a fatia de 50 por cento da Telefon AB LM Ericsson na joint-venture das companhias para fabricar smartphones, afirmou o Wall Street Journal nesta quinta-feira, citando fontes familiares com o assunto.

A Sony e a Ericsson têm negociado há semanas sobre o futuro da empresa conjunta, pois o pacto de 10 anos das companhias precisa ser renovado este mês, afirmaram duas fontes do setor à Reuters. O Wall Street Journal afirmou que as negociações estão em curso.

A Ericsson e a Sony se recusaram a comentar o assunto. "Temos um compromisso de longo prazo com nossas joint-ventures", disse um porta-voz da Ericsson.

Muitos analistas afirmaram que a japonesa Sony precisa assumir o controle da Sony Ericsson caso a joint-venture queira recuperar participação de mercado no competitivo mundo dos smartphones.

Formada em 2001, a joint-venture prosperou após inovar com o lançamento de celulares musicais Walkman e das câmeras-telefones Cybershot, que elevaram o patamar de qualidade das marcas da Sony.

Mas a companhia ficou atrás das rivais Nokia e Samsung no mercado de aparelhos de baixo custo, e reagiu tardiamente à entrada da Apple no segmento de produtos top de linha.

A Sony Ericsson deve divulgar seus resultados trimestrais em 14 de outubro.

(Reportagem adicional de Yinka Adegoke, Anna Ringstrom, Sven Nordenstam e Liana Balinsky-Baker)