RIM revela novo sistema de software para BlackBerry e PlayBook

terça-feira, 18 de outubro de 2011 17:21 BRST
 

Por Alastair Sharp

SAN FRANCISCO (Reuters) - A Research In Motion vai lançar um sistema operacional para seus smartphones BlackBerry e tablets Playbook, desenvolvido para fazer de ambos competidores mais fortes dos dispositivos da Apple e do Google.

Em uma conferência de desenvolvedores em San Francisco, a empresa canadense disse que iria instalar a nova plataforma BBX em sua próxima geração de smartphones e tablets, mas não forneceu datas.

O BBX substituiria o software empregado atualmente no BlackBerry, com um pacote construído em torno do sistema QNX, já instalado no Playbook. A RIM quer reverter a crescente preferência de consumidores pelos aparelhos mais rápidos e intuitivos iPhone, da Apple, e equipados com o software Android, do Google.

"Caso a RIM... não coloque todos os recursos que tem para tirar o QNX do caminho, o BlackBerry será uma tecnologia morta até o ano que vem", disse Jon Rettinger, presidente do TechnoBuffalo, um blog de tecnologia, antes da abertura da conferência. "As pessoas pararam de ligar para os produtos BlackBerry devido ao sistema operacional pobre".

A ação da RIM subia 3,84 por cento às 17h18 horas (horário de Brasília) na Nasdaq. A ação acumula perda de 60 por cento desde o início do ano após uma série de lançamentos de produtos sem grande sucesso e alertas de lucro.

"Estamos dando aos desenvolvedores as ferramentas que eles precisam para criar aplicações mais ricas, e estamos fornecendo orientação sobre a melhor forma de desenvolver aplicativos para smartphones e tables, à medida que o BlackBerry e as plataformas QNX convergem para a nossa plataforma de próxima geração BBX", afirmou o co-presidente-executivo da RIM Mike Lazaridis, em um discurso de abertura do evento.