Tablet da Amazon pode ter boas vendas de fim de ano nos EUA Ā

quarta-feira, 19 de outubro de 2011 17:21 BRST
 

Por Alistair Barr

(Reuters) - O tablet Kindle Fire pode ser o eletrônico mais vendido nas férias deste fim de ano nos Estados Unidos, pressionando as margens de lucro da Amazon.com, mas dando à maior varejista da Internet milhões de potenciais clientes dispostos a utilizar o aparelho para fazer compras online.

Desde que o presidente-executivo da Amazon, Jeff Bezos, revelou o tablet por um preço inferior ao esperado em 28 de setembro, por 199 dólares, alguns analistas elevaram suas estimativas de vendas para o dispositivo.

A Amazon recebeu 95 mil pedidos pelo aparelho no primeiro dia de vendas e têm registrado, em média, cerca de 20 mil pedidos diários desde então, estimou a empresa de monitoração de e-mails eDataSource. O aparelho começa a ser vendido em 15 de novembro.

O blog de tecnologia AllThingsD noticiou em 6 de novembro que a Amazon está vendendo mais de 25 mil Fires por dia, citando fontes não-identificadas próximas da companhia.

"Os números que andam circulando pela Internet são muito baixos", disse Mark Gerber, analista da Detwiler Fenton & Co. "As pré-compras e o surpreendente preço de 199 dólares significam que eles venderam facilmente cinco milhões de unidades neste trimestre".

Gerber esperava anteriormente que a Amazon vendesse de três a quatro milhões de tablets no quarto trimestre.

A Amazon se recusou a comentar o assunto. Mas Gerber e outros analistas estarão observando de perto pistas sobre as encomendas do tablet quando a companhia divulgar seus resultados em 25 de outubro.

Espera-se que a companhia tenha lucro de 0,24 dólar por ação e receita de 10,93 bilhões de dólares no terceiro trimestre fiscal, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.