Grupo invade site da Aneel e atrasa decisão de revisão tarifária

terça-feira, 8 de novembro de 2011 10:29 BRST
 

BRASÍLIA, 8 de novembro (Reuters) - Um grupo de hackers invadiu o site da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) nesta terça-feira, o que atrasa o início da reunião que irá decidir sobre alterações nas regras de revisão tarifária das distribuidoras de energia.

O grupo, chamado "Movimento Diga Não à Belo Monte", tirou a página da agência do ar nesta manhã, atrasando o início da reunião da diretoria colegiada da agência prevista para às 9h e que decidirá, entre outros temas, sobre a taxa de remuneração de capital investido (Wacc).

Técnicos da agência estão trabalhando para colocar a página novamente no ar e não há previsão para o início da reunião.

A usina de Belo Monte, no Estado do Pará, terá 11,2 mil megawatts (MW) de capacidade instalada e seu projeto é liderado pela Eletrobras, com perto de 50 por cento de participação do empreendimento. A Cemig e a Light também entraram no projeto com participação conjunta de cerca de 10 por cento na usina.

Atualmente, as obras estão em fase de montagem do canteiro provisório, com cerca de 1.200 funcionários trabalhando no local, segundo o Consórcio Construtor Belo Monte (CCBM).

(Por Hugo Bachega)