Eletrosul e Telebrás firmam acordo para banda larga popular

sexta-feira, 11 de novembro de 2011 17:48 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Eletrosul, do grupo Eletrobras, e a Telebrás fecharam um acordo de cooperação técnica para o uso recíproco de serviços e integração de infraestruturas de telecomunicações, como parte da implantação do Programa Nacional de Banda Larga (PNBL).

A Eletrosul informou em comunicado que o acordo foi assinado nesta sexta-feira.

As companhias ainda têm que definir e formalizar os detalhes técnicos da implantação.

A rede do anel Sul irá de Campinas, em São Paulo, até Gravataí, no Rio Grande do Sul, passando pelo interior do Paraná e de Santa Catarina, e retornará pelo litoral, passando por Florianópolis e Curitiba, informou a empresa.

A expectativa é de que o trecho que passa pelo interior do anel Sul seja entregue no primeiro trimestre de 2012 e que o trecho do litoral seja finalizado no segundo semestre de 2012.

"O backbone principal do Sul usará a estrutura da Eletrosul e Petrobras. As linhas da CEEE (Companhia Estadual de Energia Elétrica do Rio Grande do Sul) e Sulgás (Companhia de Gás do Rio Grande do Sul) complementarão o atendimento", disse em nota o presidente da Telebrás, Caio Bonilha..

"A participação da Eletrosul também será essencial na implantação do anel integração entre países vizinhos que têm uma estratégia comum em termos de tráfego de Internet", acrescentou Bonilha ao mencionar os planos de criar um "Backbone Latinoamericano".

(Reportagem de Anna Flávia Rochas)