Kodak quer vender unidade de compartilhamento de fotos

quinta-feira, 17 de novembro de 2011 17:26 BRST
 

(Reuters) - A Eastman Kodak está tentando vender sua unidade de compartilhamento online de fotos, afirmou o Wall Street Journal nesta quinta-feira, o que levou a ação da companhia a subir quase 8 por cento.

O jornal, citando fontes, disse que a companhia se aproximou de sites de compartilhamento de fotos, rivais, empresas de private equity e varejistas para falar sobre a compra do negócio.

Uma pessoa da qual a Kodak se aproximou disse que a companhia buscava obter "centenas de milhões de dólares" pelo serviço, por meio do qual é possível subir fotos para a Internet, compartilhá-las e imprimi-las, segundo a publicação.

O porta-voz da Kodak Gerard Meuchner disse à Reuters por e-mail que a companhia não comenta rumores ou especulações.

Em 7 de novembro, a Kodak vendeu sua unidade de sensores de imagem para a empresa de private equity Platinum Equity por uma quantia não revelada.

Anteriormente, em novembro, a Kodak afirmou que estava analisando levantar 500 milhões de dólares em financiamento adicional.

(Reportagem de Liana B. Baker)