HTC despenca depois de derrota em processo contra Apple

terça-feira, 22 de novembro de 2011 11:23 BRST
 

TAIPÉ (Reuters) - As ações da HTC, quarta maior fabricante mundial de celulares inteligentes, registraram queda de mais de 6 por cento na terça-feira depois que uma comissão norte-americana decidiu que a Apple não havia violado patentes detidas por sua subsidiária S3 Graphics, o que reduz as chances da companhia sul-coreana em um processo contra o grupo norte-americano.

As ações da HTC caíram à sua cotação mais baixa desde outubro de 2010, nas primeiras horas do pregão.

"O resultado certamente não é favorável para a HTC, que tem outros processos pendentes contra a Apple por violação de patentes usadas nos celulares inteligentes da companhia, e implica que a HTC pode não ter como usar as patentes da S3 (contra a Apple) em futuras negociações com a Apple em outros processos", informou o Barclays Capital em nota de pesquisa aos seus clientes.

A HTC adquiriu a S3 Graphics por 300 milhões de dólares em julho, alegando que tomar o controle da subsidiária da Via Technologies melhoraria sua posição de mercado ao reforçar sua tecnologia gráfica.

Analistas afirmaram que a recente decisão demonstra que a companhia taiuanesa pagou caro demais pela S3 Graphics, já que o acervo de patentes da empresa adquirida não a beneficiará em sua disputa judicial com a Apple.

Também disseram que parece cada vez mais provável que a HTC saia derrotada quando surgir a decisão final da Comissão Internacional de Comércio, aguardada para 6 de dezembro, quanto a suas duas queixas contra a Apple por violação de patentes. Isso pode resultar em proibição de venda de celulares HTC nos Estados Unidos, um mercado que responde por 50 por cento de seu faturamento.

"Continua a ser muito provável que, quando o processo terminar, a HTC tenha de pagar royalties à Apple", afirmou o Barclays Capital.

Bonnie Chang, analista da Yuanta Securities, afirmou em relatório de pesquisa que a HTC deveria considerar um apelo judicial e convencer o Google a ajudá-la a impedir liminares da Comissão contra seus aparelhos caso a vitória no processo caiba à Apple.

A HTC está envolvida em uma amarga disputa de patentes com a Apple, que abriu numerosos processos contra companhia taiuanesa nos dois últimos anos.

Os processos giram em parte em torno do Google Android, que se tornou o mais popular sistema operacional para celulares inteligentes.