Ação da Oracle despenca após resultados abaixo do esperado

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011 15:57 BRST
 

21 Dez (Reuters) - As ações da Oracle chegaram a cair mais de 14 por cento nesta quarta-feira, um dia após a terceira maior desenvolvedora de software do mundo ter divulgado fracos resultados trimestrais e previsões pouco animadoras, renovando temores de uma desaceleração de gastos globais com tecnologia.

O lucro e as vendas da companhia no último trimestre ficaram abaixo da expectativa de analistas, fazendo com que a Oracle se juntasse a outros grandes nomes do setor, como HP, Intel e Texas Instruments, que têm alertado sobre uma piora nas condições de negócios.

Várias corretoras cortaram os preços-alvo para a ação da Oracle. A do Société General, por exemplo, rebaixou a companhia para "manter" ante "comprar", e cortou o preço-alvo de 32 dólares para 28 dólares.

"Embora a Oracle tenha fundamentos sólidos, acreditamos que o potencial de reviravolta é atualmente limitado", disse o analista Derrick Wood, do Société Generale.

Às 15h43, as ações da Oracle caíram 13,5 por cento, enquanto o termômetro de tecnologia Nasdaq recuava 2,06 por cento.

A companhia divulgou lucro, excluindo itens não recorrentes, de 0,54 dólar por ação em seu segundo trimestre fiscal (não GAAP), encerrado no dia 30 de novembro, abaixo da previsão média feita por analistas, de 0,57 dólar, de acordo com a Thomson Reuters I/B/E/S. No padrão GAAP, o lucro foi de 0,43 dólar por ação.

A companhia também divulgou que a venda de produtos de hardware caiu 14 por cento, para 953 milhões de dólares, abaixo da média projetada pelo StreetAccount, de 1,06 bilhão de dólares.