Jogos são chave para recuperação da Sony, diz executivo

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012 09:33 BRST
 

LAS VEGAS, Estados Unidos (Reuters) - As operações de videogames da Sony, com o recém-lançado console portátil "Vita" à frente, serão cruciais para que a empresa recupere a lucratividade, disse Kazuo Hirai, executivo selecionado para substituir Howard Stringer como presidente da empresa, na terça-feira.

Mas a maior marca japonesa de bens eletrônicos de consumo mantém seu compromisso para com os televisores, apesar de prever um oitavo ano consecutivo de prejuízos, disseram Hirai e Stringer a jornalistas em um debate com a imprensa durante a feira Consumer Electronics Show (CES), em Las Vegas.

"A televisão é o lar. Queremos sustentar o televisor como peça central das casas", disse Stringer. "A televisão, em nossa estratégia de quatro telas, continua a ser a ferramenta mais poderosa junto à audiência, e temos só de fazer um trabalho melhor para extrair lucro dela", acrescentou o executivo, em referência à estratégia da companhia de oferecer entretenimento em celulares inteligentes e tablets, além de computadores pessoais e TVs.

A Sony, acrescentou Stringer, está preparada para enfrentar o desafio se a Apple ingressar no setor de TV. A companhia norte-americana uma década atrás derrubou a Sony da liderança no segmento de players de música, e hoje supera por larga margem a rival japonesa nos computadores pessoais e tablets.

Em novembro, a Sony fez um alerta sobre um quarto prejuízo anual líquido consecutivo, no valor de 90 bilhões de ienes (1,2 bilhão de dólares), no ano fiscal que se encerra em março de 2012, em função dos problemas de sua divisão de televisores.

Em Las Vegas, a Sony está destacando os modelos de TV Crystal LED, com melhor contraste e gama mais ampla de cores do que os modelos de cristal líquido, enquanto os rivais sul-coreanos Samsung Electronics e LG Electronics atraem atenção com televisores OLED (diodos orgânicos emissores de luz) que planejam colocar no mercado em breve.

Televisores inteligentes dotados de conexão com a Internet e novas ofertas de equipamento e conteúdo 3D tiveram destaque nos estandes das maiores companhias de eletrônica presentes ao evento.