GVT tem lucro de R$172 mi no 4o tri

quinta-feira, 1 de março de 2012 11:52 BRT
 

RIO DE JANEIRO, 1 Mar (Reuters) - A GVT, braço brasileiro do grupo grupo francês de telecomunicação Vivendi, teve lucro líquido ajustado de 172,4 milhões de reais no quarto trimestre, queda de 3,7 por cento em relação a um ano antes, informou a companhia.

Contudo, a operadora de telecomunicações fechou 2011 com um salto nos ganhos, que cresceram de 479,7 milhões de reais em 2010 para 776,5 milhões de reais ano passado.

O número de linhas em serviço aumentou 49,5 por cento e chegou a 6,32 milhões, o que se deve à expansão territorial da companhia e à forte adesão aos serviços de telefonia fixa e banda larga nas cidades onde opera.

"Em 2011, a GVT iniciou operações em 22 cidades nas regiões Sudeste, Nordeste, Sul e Centro-Oeste e atingiu 119 com atendimento a todos os segmentos de mercado", segundo comunicado.

A receita líquida consolidada saltou 39 por cento no fechado de 2011, para 3,35 bilhões de reais. Já os últimos três meses responderam por 897,2 milhões de reais, ante 687,7 milhões de reais no mesmo período de 2010.

O Ebitda (sigla em inglês para lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) trimestral somou 363 milhões de reais, com margem Ebitda de 40,5 por cento -ante margem de 42,2 por cento um ano antes.

Nesta quinta-feira, a Vivendi, maior grupo de telecomunicações e entretenimento da Europa, cortou dividendo por prever dois anos de dificuldades recorrentes de acirrada concorrência.

(Por Diogo Ferreira Gomes)