Netflix negocia parceria com operadoras de TV a cabo--fontes

quarta-feira, 7 de março de 2012 16:36 BRT
 

7 Mar (Reuters) - Reed Hastings, presidente-executivo da Netflix, realizou reuniões sigilosas com algumas das maiores operadoras de TV a cabo dos Estados Unidos nas últimas semanas para discutir a inclusão de mais filmes em formato stream na programação que a empresa oferece, de acordo com fontes informadas sobre o assunto.

As negociações poderiam tornar a Netflix uma nova opção para os assinantes de TV a cabo, que escolheriam filmes via decodificador, colocando a companhia em concorrência direta com a HBO, de acordo com três pessoas informadas sobre as negociações.

Caso uma parceria venha a ser formada, a operadora de TV a cabo poderia adicionar a Netflix como opção de pay-per-view, com pagamentos incluídos na fatura mensal do cliente, de acordo com uma quarta fonte.

Qualquer pareceria representaria uma grande reviravolta no setor de TV a cabo, em que a Netflix era inicialmente vista como ameaça a um negócio que movimenta 100 bilhões de dólares por ano nos Estados Unidos.

Hastings havia dado fortes sinais, em conferências com investidores nas últimas semanas, de que era possível que a Netflix um dia se tornasse um canal de TV a cabo rival de redes premium como a HBO, da Time Warner.

"Não é um plano de curto prazo, mas está na direção natural para nós, em prazo mais longo", disse Hastings em uma conferência com investidores na semana passada. "Muitas (operadoras de TV a cabo) gostariam de ter um concorrente para a HBO, e poderiam nos usar para negociar preços com a HBO".

Embora a maioria dos observadores tenha considerado os comentários de Hastings como pouco mais que pensamentos para o futuro, pessoas próximas às conversações disseram que ele já se reuniu com diversos executivos importantes para discutir como uma parceria poderia operar.

Pelo menos uma operadora de TV a cabo pode começar a oferecer o serviço Netflix experimentalmente ainda este ano, segundo uma das fontes.

Um representante da Netflix se recusou a comentar sobre as possíveis negociações com operadoras de TV a cabo.

(Por Yinka Adegoke e Lisa Richwine)

 
Antenas de satélite emergem de um prédio em Londres, 31 de janeiro de 2012. Reed Hastings, presidente-executivo da Netflix, realizou reuniões sigilosas com algumas das maiores operadoras de TV a cabo dos Estados Unidos nas últimas semanas para discutir a inclusão de mais filmes em formato stream na programação que a empresa oferece, de acordo com fontes informadas sobre o assunto. REUTERS/Luke MacGregor