Procon determina suspensão de atividade em sites da B2W por 72h

quarta-feira, 14 de março de 2012 11:14 BRT
 

SÃO PAULO, 14 Mar (Reuters) - A Fundação Procon-SP anunciou nesta quarta-feira que decidiu suspender as atividades de comércio eletrônico dos sites do grupo de varejo B2W por 72 horas em todo o Estado de São Paulo, após problemas no atendimento aos consumidores registrados em 2011.

A determinação vale a partir da quinta-feira, segundo o Procon-SP, que também aplicou multa de 1,744 milhão de reais contra a companhia. Os sites envolvidos são americanas.com.br, submarino.com.br e shoptime.com.br.

Segundo o órgão de defesa do consumidor, em 2010 foram 2.224 atendimentos sobre problemas com os sites da B2W. No ano passado, esse número aumentou em 180 por cento, com o registro de 6.233 atendimentos. A maioria dos problemas foi gerado por falta de entrega do produto ou defeito no item adquirido.

"Isso é um descaso, desrespeito ao consumidor. Fizemos várias tentativas chamando a empresa para o diálogo no Procon, mas o problema não foi resolvido", afirmou em comunicado o diretor executivo da Fundação Procon-SP, Paulo Arthur Góes.

Às 10h56, as ações da B2W exibiam queda de 1,4 por cento, a 9,85 reais, enquanto o Ibovespa mostrava valorização de 0,57 por cento.

A empresa não comentou imediatamente o assunto.

(Por Alberto Alerigi Jr.)