Telefónica perde recursos contra multa de US$202 mi da UE

quinta-feira, 29 de março de 2012 08:50 BRT
 

BRUXELAS, 29 Mar (Reuters) - A operadora espanhola Telefónica perdeu recurso nesta quinta-feira para escapar de uma multa de 152 milhões de euros (202 milhões de dólares), quando um tribunal europeu concordou com autoridades regulatórias de que a companhia cobrou tarifas injustas de rivais e usuários entre 2002 e 2006.

A multa da Comissão Europeia foi resultado de investigação de 2007 que avaliou que as ações da Telefónica enfraqueceram competidores e fizeram com que consumidores espanhóis pagassem 20 por cento mais por acesso rápido à Internet que a média em 15 países europeus.

A Telefónica levou o caso para um tribunal baseado em Luxemburgo, mas os juízes rejeitaram os argumentos da empresa e apoiaram a multa imposta pela Comissão.

"A Corte Geral desconsidera as ações (da Telefónica), sustentando que a Comissão corretamente determinou que a Telefónica abusou de sua posição dominante", afirmou o tribunal em comunicado.

A companhia poderá apelar junto à Corte de Justiça da UE, instância mais alta do judiciário da Europa, mas apenas sobre pontos da lei.

(Por Foo Yun Chee)