Joint-venture da Philips prevê ser top 3 global

segunda-feira, 2 de abril de 2012 12:03 BRT
 

AMSTERDÃ, 2 Abr (Reuters) - A joint-venture em televisão da Philips com a TPV se tornará rentável e pode ser um dos três maiores nomes do mercado mundial em televisores, disse nesta segunda-feira o presidente da nova companhia.

Martin de Vries evitou estimar uma data para o negócio sair do vermelho, mas indicou que uma aliança similar entre as duas companhias -mas em monitores- demorou dois anos para dar lucro.

A joint-venture -70 por cento da TPV e 30 por cento da Philips- terá sede em Amsterdã.

Outrora um grande nome, o segmento de televisão da Philips se tornou um problema para a companhia, acumulando perdas de aproximadamente 1 bilhão de euros desde 2007, por causa da acirrada concorrência.

(Por Roberta Cowan)