Receita da GVT cresce mais de 30% no 1o tri

segunda-feira, 14 de maio de 2012 15:29 BRT
 

RIO DE JANEIRO, 14 Mai (Reuters) - A GVT apurou um crescimento de mais de 30 por cento em sua receita do primeiro trimestre sobre um ano antes, após um forte avanço em suas linhas de serviço no período.

A receita da empresa totalizou 432 milhões de euros (1,1 bilhão de reais) de janeiro a março, avanço de 31,3 por cento na comparação com o mesmo intervalo de 2011, informou nesta segunda-feira a controladora da GVT, a francesa Vivendi, por meio de sua assessoria de imprensa.

A receita de serviços de Internet banda larga cresceu 26,3 por cento e a receita com serviço de voz aumentou 32,8 por cento.

O número de linhas em serviço da GVT cresceu 43,3 por cento no primeiro trimestre, e totalizou 6,872 milhões no período.

Já o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) cresceu 28,3 por cento na comparação anual, somando 177 milhões de euros. A margem Ebitda foi de 41 por cento.

"Excluindo os custos incorridos com o lançamento do serviço de TV por assinatura, a margem EBITDA de telecomunicações foi de 43,4 por cento, um aumento de 1,2 ponto percentual numa base anual", segundo comunicado.

Os investimentos realizados foram de 284 milhões de euros, crescimento de 65,8 por cento sobre o primeiro trimestre do ano passado.

"A GVT deve lançar serviços em 23 novas cidades em 2012... (e) planeja alcançar o equilíbrio da relação (EBITDA-Capex) para telecomunicações em 2012", disse a nota.

(Por Sérgio Spagnuolo)