Investidor processa Nasdaq, alega negligência em IPO do Facebook

terça-feira, 22 de maio de 2012 19:07 BRT
 

22 Mai (Reuters) - O Nasdaq foi processado por um investidor que alega que a bolsa foi negligente ao administrar os registros de negócios com ações do Facebook após sua oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês), causando perdas aos investidores.

Phillip Goldberg, que reside em Maryland, está buscando compensações em nome de todos os investidores que perderam dinheiro porque o Nasdaq atrasou ou lidou de forma errônea com seus pedidos de compra, venda ou cancelamento de papéis do Facebook em 18 de maio, dia em que o gigante das redes sociais abriu o capital.

Um erro técnico atrasou a estreia do Facebook em cerca de meia hora, e mais tarde atrasou confirmações de pedidos.

O presidente-executivo do Nasdaq, Robert Greifeld, disse a investidores durante a reunião anual de sua companhia nesta terça-feira que "claramente tivemos alguns erros na listagem do Facebook", porém mais de 570 milhões de ações foram negociadas no primeiro dia.

Goldberg registrou seu processo nesta terça-feira no Tribunal Distrital de Manhattan.

(Reportagem de Jonathan Stempel)