Presidente da Vivendi planeja apresentar plano de reestruturação

quinta-feira, 31 de maio de 2012 11:24 BRT
 

PARIS, 31 Mai (Reuters) - O grupo francês de entretenimento Vivendi planeja divulgar os planos para impulsionar a divisão de celulares SFR nas próximas semanas em resposta à guerra de preços iniciada pela chegada do novo concorrente doméstico Free Mobile da Iliad, disse o presidente executivo da empresa.

A SFR, do grupo France Telecom Orange e da Bouygues Telecom teve vendas e margens atingidas desde o lançamento, em janeiro, da quarta operadora francesa de celulares, com a Orange estimando queda de 10 por cento na receita por assinante em 2012.

"Nós embarcamos em um plano de transformação do negócio", disse Jean-Bernard Levy, presidente da Vivendi e chefe direto da SFR desde o final de março, quando ele forçou o chefe anterior da unidade a sair diante de uma fraca resposta ante a chegada do Free.

"Estamos em processo de redefinição disso (do negócio), definindo o seu escopo."

Levy apontou Michel Combes no início deste mês, um veterano da indústria e chefe do negócio europeu da Vodafone, para liderar a SFR, apesar de que ele não deve assumir o posto antes de dois meses.

Levy acrescentou na quinta-feira que planejou informar os trabalhadores sobre os detalhes do plano de reestruturação "nas próximas semanas, e certamente antes do verão (no hemisfério norte)".

Não ficou claro se os detalhes incluiriam corte de empregados.

Sindicatos na SFR alertaram no início deste ano que a companhia estava se preparando para cortar cerca de 500 empregos, mas companhia já havia informado mais cedo que nenhuma decisão final havia sido tomada sobre corte de custos e demissões.

(Reportagem de Gwenaelle Barzic)