Nintendo revela rede social Miiverse para novo Wii

segunda-feira, 4 de junho de 2012 10:53 BRT
 

TÓQUIO/LOS ANGELES, 4 Jun (Reuters) - A Nintendo vai lançar a rede social e de conteúdo Miiverse para o novo console Wii U, uma tentativa de diminuir o atraso com relação à Sony e outras concorrentes e de estimular as vendas de hardware.

A estratégia da companhia japonesa, revelada nesta segunda-feira pelo presidente Satoru Iwata, é semelhante à de Sony e Apple, ainda que analistas estejam preocupados com a chegada tardia da maior fabricante mundial de consoles ao mercado online.

“"A Nintendo está ficando para trás no que diz respeito aos jogos online. A ideia de entrar neste mercado é boa, mas a questão é se será capaz de gerar lucros com isso", disse Hajime Nakajima, operador da Iwai Cosmo Securities.

Apresentado há um ano, o console Wii U foi recebido friamente pelos investidores, preocupados com o risco de que encontrasse dificuldades para atrair compradores em um setor que movimenta 78,5 bilhões de dólares anuais mas está perdendo terreno para aparelhos móveis como o iPhone e o iPad.

Os jogos para esses aparelhos já respondem por 8,5 bilhões de dólares no mercado de videogames.

“"Algumas pessoas talvez queiram saber se o Wii U é uma simples evolução do Wii ou completamente diferente. Acredito que "ambos" seja a melhor resposta", disse o presidente da Nintendo via webcast, transmitido antes da feira de videogames E3, em Los Angeles, quando haverá o lançamento oficial do Wii U.

A Miiverse sugere que a Nintendo apostará no conteúdo online da Nintendo Network e na nova rede social para estimular as vendas de hardware.

A Nintendo, fundada como fábrica de baralhos em um subúrbio de Kyoto em 1889, demorou mais que algumas concorrentes para chegar às plataformas online de redes sociais e concorrer pelos milhões de assinantes das redes Sony Playstation 3, Apple iTunes e Xbox, Microsoft.

(Por Tim Kelly e Liana B. Baker)