Sharp avalia listagem de unidade de LCD

sexta-feira, 8 de junho de 2012 13:18 BRT
 

TÓQUIO, 8 Jun (Reuters) - A Sharp, a última grande fabricante japonesa de telas de cristal líquido, negocia com o principal acionista a listagem da subsidiária que opera a principal fábrica de LCD da empresa, em Sakai.

Uma oferta pública inicial (IPO) vai futuramente distanciar a Sharp da unidade que vem perdendo dinheiro e a levou ao seu maior prejuízo anual em um século.

A Sharp, fundada em 1912, está em discussões com a taiuanesa Hon Hai Precision Industries sobre a listagem da Sharp Display Products, disse o presidente Takashi Okuda.

"Estamos discutindo a listagem da Hon Hai, mas ainda não decidimos sobre os prazos. Vemos a listagem como uma coisa positiva", declarou ele nesta sexta-feira.

Perdas na unidade subutilizada como resultado de sobreoferta global de telas e fraca demanda deixaram a Sharp com um prejuízo líquido de 376 bilhões de ienes (4,73 bilhões de dólares) no ano fiscal que acabou em 31 de março.

A empresa está prevendo uma perda líquida de 30 bilhões de ienes para o atual ano fiscal.

(Reportagem de Tim Kelly)