Perdas do UBS no IPO do Facebook somam US$350 milhões, diz CNBC

sexta-feira, 8 de junho de 2012 20:12 BRT
 

8 Jun (Reuters) - O banco suíço UBS pode ter perdido mais de 350 milhões de dólares devido à oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) do Facebook e está preparando uma ação legal contra a Nasdaq, afirmou a CNBC nesta sexta-feira, citando fontes não-identificadas.

O UBS confirmou que perdeu dinheiro devido ao IPO em 18 de maio, mas que não comentaria sobre o montante.

Em comunicado, o UBS afirmou: "Nós continuamos a considerar caminhos para recuperar nossas perdas nesse caso, mas ainda não tomamos medidas legais".

Fontes da indústria disseram originalmente que o banco sofreu 30 milhões de dólares em perdas.

O UBS foi um dos quatro maiores formadores de mercado no negócio do Facebook ao lado de Automated Trading Desk, do Citigroup, Knight Capital e Citadel Securities.

Os problemas começaram quando falhas técnicas causaram um atraso de 30 minutos na abertura do IPO do Facebook, seguido por um período de duas horas durante o qual os formadores de mercado, que facilitam os negócios para os operadores, não receberam as confirmações para as ordens.

A Nasdaq afirmou na quarta-feira que vai oferecer um total de 40 milhões de dólares em dinheiro e descontos para clientes prejudicados no IPO.

(Reportagem de Edwin Chan, John McCrank e Lauren LaCapra)