Apple apresenta novo MacBook Pro com display "retina"

segunda-feira, 11 de junho de 2012 16:29 BRT
 

Por Poornima Gupta e Alexei Oreskovic

SAN FRANCISCO, 11 Jun (Reuters) - A Apple apresentou um novo laptop Macintosh topo de linha que incorpora o popular display de alta resolução de seu iPad como parte de uma série de atualizações de software e hardware que a empresa está implementando como forma de lhe ajudar em sua disputa com o Google.

O presidente-executivo, Tim Cook, que assumiu após a morte do co-fundador da empresa Steve Jobs em agosto de 2011, deve revelar novos serviços -como possibilidade de mapeamento via celular no interior de domicílios e melhorias no software Siri- para auxiliar a Apple a manter distância sobre o Google e sua plataforma Android, que está crescendo rapidamente.

Também se espera que a Apple lance a próxima versão de seu sistema operacional, o iOS6.

A Apple abriu a sua Worldwide Developers' Conference elogiando seu hardware, seu maior diferencial sobre o Google.

E com 0,7 polegada de espessura, o novo MacBook Pro está entre os laptops mais finos no mercado e chegará às prateleiras meses antes de muitos "Ultrabooks" equipados com o Windows, da Microsoft. Eles também empregarão displays "retina", que já conquistaram boas avaliações para o novo iPad, mas têm preço a partir de 2.199 dólares.

O diretor de marketing, Phil Schiller, explicou como a versão redesenhada dos notebooks MacBook Air, também apresentada na conferência, será 100 dólares mais barata, em média, do que seus antecessores, mas ainda assim terá processadores mais rápidos fabricados pela Intel.

Analistas especularam que que a empresa começará a competir agressivamente em questão de preços, gradualmente reduzindo as margens de lucro sobre seus Macs, em geral.