Nokia vai cortar 20% dos postos de trabalho

quinta-feira, 14 de junho de 2012 08:28 BRT
 

PARIS (Reuters) - A Nokia planeja cortar um em cada cinco postos de trabalho em sua divisão global de celulares após ter perdido participação de mercado para Apple e Samsung e consumido caixa, alimentando receios sobre o futuro da companhia.

Em um segundo alerta de lucro em nove semanas, a Nokia disse nesta quinta-feira que o segmento de celulares terá um prejuízo maior que o esperado no segundo trimestre por causa da competição mais acirrada.

As ações da empresa despencavam mais de 10 por cento nesta quinta-feira, operando abaixo do nível psicológico de 2 euros, algo não visto desde 1996. A ação perdeu cerca de 70 por cento de seu valor desde que a companhia anunciou em 2011 a troca de sua plataforma de software para o sistema da Microsoft.

Os cortes de empregos, que incluem o fechamento da única fábrica da Nokia na Finlândia, elevam o total de reduções planejadas no grupo para mais de 40 mil desde que o presidente-executivo, Stephen Elop, assumiu a empresa em 2010.