Baidu diz que funcionários foram presos por aceitar propina

segunda-feira, 6 de agosto de 2012 16:55 BRT
 

Três funcionários do Baidu foram presos por supostamente aceitar grandes propinas para apagar mensagens em um fórum do Baidu, afirmou a ferramenta de busca chinesa nesta segunda-feira.

Quatro funcionários, incluindo os três que foram presos, foram demitidos após a companhia descobrir posts apagados sob condições suspeitas em seu fórum Baidu Postbar em julho.

Três deles foram entregues à polícia e subsequentemente presos, devido à grande quantidades de dinheiro envolvida, disse a porta-voz do Baidu Betty Tian.

O Baidu não apresentou informações sobre quem havia encomendado a eliminação dos posts ou seu conteúdo, que foram publicados num fórum em que usuários podem discutir uma variedade ampla de temas.

"Durante a recente repressão da companhia a posts apagados ilegalmente, o Baidu descobriu comportamento suspeito de vários de seus funcionários", disse a empresa em comunicado.

A libertária cena da internet chinesa, com mais de meio bilhão de usuários, enfrentou dificuldades para reprimir práticas ruins de negócios enquanto se expande a um ritmo frenético.

O Alibaba disse em julho que um ex-administrador geral de seu site de acordos em grupo foi detido pela polícia por, supostamente, aceitar subornos.

Em fevereiro de 2011, o presidente-executivo e presidente de operações do website de relações entre companhias do Alibaba Group, Alibaba.com deixou a posição após um surto de transações fraudulentas na plataforma.