HP tem forte prejuízo após baixa contábil da EDS

quarta-feira, 22 de agosto de 2012 18:01 BRT
 

SAN FRANCISCO, 22 Ago (Reuters) - A HP publicou nesta quarta-feira um prejuízo de 8,85 bilhões de dólares após registrar uma baixa contábil no valor de sua unidade de serviços, principalmente relacionada a sua compra da Electronic Data Systems.

A receita da maior fabricante de computadores do mundo caiu 5 por cento para 29,7 bilhões de dólares, pouco abaixo da estimativa média de Wall Street, de 30,1 bilhões de dólares.

A companhia arcou com um encargo de 10,8 bilhões de dólares que se deve em grande parte à baixa contábil realizada no valor de sua unidade de serviços, que a companhia havia anunciado neste mês.

A HP, que assim como sua rival Dell, de menor estatura, está enfrentando dificuldades para compensar a redução das vendas de computadores por meio de receita no setor de serviços, registrou um prejuízo líquido de 4,49 dólares por ação em seu terceiro trimestre fiscal, ante um lucro de 1,9 bilhão de dólares, ou 0,93 dólar por ação, no ano anterior.

Excluindo itens excepcionais, como a baixa contábil, a companhia lucrou 1 dólar por ação, superando a meta de 0,98 dólar estabelecida por analistas. O papel tinha alta de 2,3 por cento a 19,66 dólares no after-market, após fechar a 19,20 dólares na bolsa de valores de Nova York.

A maior fabricante de computadores do mundo, que emprega mais de 300 mil pessoas em todo mundo, está enfrentando uma reestruturação que inclui a redução de sua força de trabalho em 8 por cento. A presidente-executiva da empresa, Meg Whitman, fez um apelo para que investidores sejam pacientes à medida que ela trabalha para incentivar a receita e realizar cortes de custos.

(Por Poornima Gupta)