ANÁLISE-Positivo pisa em terreno difícil, mas tem chance em celulares

quinta-feira, 6 de setembro de 2012 11:37 BRT
 

Por Sérgio Spagnuolo

RIO DE JANEIRO, 6 Set (Reuters) - O potencial de crescimento do mercado brasileiro de smartphones nos próximos anos ajudará a Positivo Informática em sua empreitada no segmento, mas a empresa terá que desenvolver bem seu plano de negócios e conseguir acordo com operadoras móveis para promover seus dispositivos.

Mais conhecida por computadores de mesa e laptops, a companhia está entrando em um acirrado mercado com vendas de mais de 60 milhões de celulares por ano no país.

A Positivo promete entrar "pra valer" no segmento de celulares, dentro de sua estratégia de diversificar a receita, conforme disse à Reuters o seu presidente, Hélio Rotenberg.

Em smartphones, contudo, não será fácil concorrer com modelos populares como o iPhone, da Apple, e o Galaxy, da Samsung.

"Para competir no setor, precisará ter um produto aderente... Como o mercado de smartphones tem uma tendência de crescimento, se conseguir acertar portfólio, estratégia de canais de venda, preços e marca, pode ser que tenha boa oportunidade", afirmou o analista Bruno Freitas, da empresa de pesquisa IDC.

O bom relacionamento da Positivo com varejistas, construído ao longo de anos nas áreas de PCs e laptops, ajudará. Porém, é fundamental que a empresa avance nas negociações em curso com as operadoras de telefonia móvel.

"Apesar de o varejo crescer muito em termos de vendas, o grande volume de vendas de celulares está nas mãos das operadoras", disse Freitas. "É importante que eles consigam desenvolver uma parceria com esse canal de vendas."

Utilizar também a força da marca Positivo para o segmento móvel ajudará a viabilizar o negócio, afirmou a analista Izabela Januário, da consultoria Frost & Sullivan.   Continuação...