September 12, 2012 / 9:28 PM / 5 years ago

Apple lança iPhone 5, mais leve e com tela maior

4 Min, DE LEITURA

Por Poornima Gupta e Noel Randewich

SAN FRANCISCO, Estados Unidos, 12 Set (Reuters) - A Apple apresentou nesta quarta-feira o iPhone 5, modelo mais rápido e mais fino até agora do celular que ajudou a companhia a tornar-se a empresa mais valiosa do mundo, que conta também com uma tela maior e conexão 4G.

O iPhone 5 começará a ser vendido na sexta-feira com preços a partir de 199 dólares, equipado com tela "retina" de 4 polegadas, compatibilidade com rede de telefonia celular 4G LTE e peso 20 por cento menor do que o modelo anterior, o 4S, que tinha tela de 3,5 polegadas.

O presidente-executivo da Apple, Tim Cook, que assumiu a posição após a morte do co-fundador Steve Jobs no ano passado, enfrenta pressão para manter a Apple na ponta desse mercado.

O novo modelo do iPhone foi lançando em um momento no qual a Apple tenta rebater a forte concorrência. O sistema operacional Android, do Google, tornou-se o mais utilizado no mundo, enquanto a rival e fornecedora Samsung Electronics assumiu a liderança nas vendas de smartphones.

Concorrentes chegaram primeiro ao mercado com aparelhos com telas maiores ou que operam em redes sem fio mais rápidas. A Apple alcançou seus rivais com a apresentação do novo iPhone.

Agora, a Microsoft está se esforçando para que seu sistema operacional Windows Phone 8 assuma a posição de terceira alternativa aos softwares da Apple e do Google.

O novo iPhone 5 será vendido em conjunto com planos das três maiores operadoras dos Estados Unidos --Verizon, AT&T e Sprint, disse o vice-presidente de marketing, Phil Schiller, a um auditório lotado no Yerba Buena Center em San Francisco.

Outra melhoria é a duração da bateria --o iPhone 5 consegue manter oito horas de navegação na internet por uma conexão 4G. Terá, ainda, três microfones e uma câmera de 8 megapixels em alta resolução.

"Sempre foi um grande inconveniente dos telefones que operam com o Android", disse o presidente-executivo da empresa de gestão de ativos Destination Wealth Management, Michael Yoshikami. "Um telefone mais fino, com uma tela maior e bateria mais durável é um avanço tecnológico impressionante".

O novo iPhone vai melhorar as capacidades de busca de seu assistente de voz "Siri" e utilizará o próprio sistema de mapeamento da Apple ao invés de software do Google.

No evento, também foram apresentados novas versões do tocador de música iPod, como o Touch e o Nano.

Processador Mais rápido

Cook deu início ao evento desta quarta-feira afirmando que os notebooks da companhia estão em primeiro lugar em termos de vendas nos Estados Unidos, liderando em participação de mercado nos últimos três meses.

Mas é o iPhone que carrega o peso do futuro da Apple, especialmente enquanto a empresa oculta seus planos para futuros geradores de crescimento, incluindo um possível aparelho de TV ou uma versão menor do iPad. Analistas projetam vendas de 10 milhões a 12 milhões de novos smartphones apenas neste mês.

O iPhone 5 é equipado com o novo processador "A6" da Apple, que executivos afirmam ter performance duas vezes mais rápida do que a geração anterior.

A Apple vendeu mais de 243 milhões de iPhones desde seu lançamento em 2007, e o dispositivo floresceu em seu atual "ecossistema" de aplicativos.

Cook disse ao público que sua loja de aplicativos armazena agora mais de 700 mil programas --a maior biblioteca do mercado.

Mundialmente, a Samsung lidera o mercado de smartphones, com uma fatia de 32,6 por cento, seguida pela Apple, com 17 por cento, de acordo com a empresa de pesquisa de mercado IDC. As entregas de ambas as companhias aumentaram em relação ao ano passado, com o crescimento da Samsung sendo liderado pelo celular Galaxy S III.

A Apple também está progredindo num mercado corporativo que tem sido dominado pela fabricante canadense de smartphones em dificuldade Research in Motion. Cook disse que quase todas as companhias incluídas na lista Fortune 500 estão testando ou utilizando seus iPhones e iPads.

Reportagem adicional de Jennifer Saba em Nova York, Alexei Oreskovic e Alistair Barr em San Francisco e Bill Rigby em Seattle

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below