Canon corta previsões na China após boicote a produtos japoneses

quinta-feira, 25 de outubro de 2012 13:17 BRST
 

Por Mari Saito

TÓQUIO, 25 Out (Reuters) - A japonesa Canon cortou sua perspectiva para a receita do ano e registrou um lucro menor que o esperado no trimestre na medida em que consumidores chineses começaram a evitar os produtos japoneses após uma disputa territorial, aumentando a dificuldade do Japão à desaceleração da economia global.

A fabricante de câmeras e impressoras, que gera 80 por cento de sua receita no exterior, foi particularmente atingida este ano por uma demanda fraca na zona do euro e um iene forte.

A Canon disse que não pensa em retirar a produção da China, mas cortou a previsão de vendas de câmeras compactas para o ano para 19 milhões das originais 21 milhões previstas, enquanto a previsão para câmeras de lentes intercambiáveis foi reduzida para 8,8 milhões, ante 9,2 milhões.

A empresa disse que o lucro operacional de julho a setembro caiu 42,2 por cento, na comparação anual, para 70,88 bilhões de ienes, abaixo da média de 99,9 bilhões de ienes prevista por seis analistas consultados pela Thomson Reuters I/B/E/S.