T-Mobile recorre contra fusão de companhias na Áustria

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013 10:37 BRST
 

VIENA, 2 Jan (Reuters) - A T-Mobile Austria recorreu contra a distribuição de frequências de rádio que resultará da compra da Orange Austria pela Hutchison Whampoa, decisão que pode inviabilizar o negócio de 1,3 bilhão de euros (1,7 bilhão de dólares).

Uma fonte familiarizada com o assunto disse à Reuters no mês passado que a unidade da Deutsche Telekom planejava entrar com o recurso por temer desvantagem em relação aos concorrentes, que terão uma vantagem de até um ano na construção de redes com tecnologia de próxima geração.

As quatro operadoras que operam no país de 8,4 milhões de habitantes travaram uma guerra de preços com pacotes a partir de 7 euros (9 dólares).

A T-Mobile disse nesta quarta-feira que apresentou um recurso em 31 de dezembro à maior instância da Justiça austríaca contra a transfência as frequências em decorrência da fusão. A decisão pode sair em questão de dias.

A companhia quer uma liminar que adie ou até vete a compra da unidade da France Telecom pela Hutchison, transação essa que vai reduzir o número de operadoras na Áustria de quatro para três.

A Telekom Austria se negou a comentar o assunto.

(Por Angelika Gruber e Michael Shields)