Juiz rejeita reclamações da Apple contra Amazon por anúncios

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013 16:10 BRST
 

SAN FRANCISCO, 2 Jan (Reuters) - Um juiz dos Estados Unidos aceitou o pedido da Amazon.Com para encerrar um processo movido pela Apple pelo uso do termo "App Store", concluindo que a Apple não pode alegar anúncios falso contra a loja online.

O juiz distrital Phyllis Hamilton, em Oakland, na Califórnia, aceitou a petição parcial da Amazon, que trata apenas das alegações sobre anúncios falsos. A Apple também fez outras reclmações contra a Amazon, incluindo infração da marca.

(Reportagem de Dan Levine)