Ações da RIM sobem após analista influente aumentar recomendação

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013 17:03 BRST
 

Por Euan Rocha

TORONTO, 18 Jan (Reuters) - As ações da Research In Motion (RIM) subiam mais de 5 por cento nesta sexta-feira, após um influente analista aumentar sua recomendação para a ação, dizendo que os novos aparelhos BlackBerry 10 tiveram um desempenho tão bom ou melhor que seus concorrentes em testes recentes.

O analista da Jefferies & Co, Peter Misek, que aumentou sua recomendação para "compra" ante "manutenção", acredita que Wall Street estava subestimando a força do desempenho financeiro da RIM após a estreia dos novos dispositivos em 30 de janeiro. Ele também aumentou o preço-alvo para 19,5 dólares, ante 13 dólares.

A ação subia 6,2 por cento, a 15,84 dólares em Nova York, e aumentava 7,1 por cento a 15,72 dólares canadenses na Bolsa de Toronto, às 17h00 (horário de Brasília).

A RIM acredita que a nova linha de telas sensíveis ao toque (touch-screen) e teclados vão ajudá-la a ganhar de volta participação de mercado, que foi perdida para concorrentes como o iPhone da Apple e dispositivos com o sistema operacional líder de mercado Android, do Google.

Misek, que tem sido cético há algum tempo sobre as possibilidades de reviravolta na engenharia da RIM, disse que estudos recentes de testes dos dispositivos BB10 mostraram grandes melhorias sobre os seus smartphones existentes.

"Testes recentes mostraram um navegador sólido, uma interface de toque suave e uma navegação intuitiva. Nós acreditamos que o desempenho do sistema operacional poderia ser melhor ou igual ao Android Jelly Bean e, provavelmente, a par com o iOS 6", disse Misek, referindo-se às versões mais recentes dos softwares dos dispositivos Android e Apple.

As ações da RIM mais do que dobraram de valor nos últimos quatro meses, com a proximidade do lançamento do BB10.