AMD contrata veteranos de chips, diversifica para além de PCs

terça-feira, 22 de janeiro de 2013 17:05 BRST
 

Por Noel Randewich

SAN FRANCISCO, 22 Jan (Reuters) - A AMD contratou dois engenheiros sêniores com experiência na Qualcomm e na Apple, os mais recentes recrutamentos de alto nível no momento em que a empresa tenta diversificar para além de uma indústria de computadores pessoais em desaceleração, disseram fontes próximas à fabricante de chips.

Charles Matar, que tem experiência em design de chips incorporados e de baixa carga, foi contratado como vice-presidente de desenvolvimento de sistemas em chips da AMD, disseram duas fontes. O último emprego de Matar foi na Qualcomm.

Wayne Meretsky, que trabalhou na Apple na década de 1990 no Mac, foi nomeado vice-presidente de desenvolvimento de propriedade intelectual de softwares, disseram as fontes. Meretsky vai liderar o desenvolvimento de softwares para chips da AMD.

O porta-voz da AMD, Drew Prairie, também confirmou que a AMD contratou dois engenheiros para ajudar a fabricante de chips a expandir-se para novos mercados, mas não forneceu detalhes.

A AMD depende da indústria de PCs para cerca de 80 por cento de sua receita. Com vendas nesse segmento caindo devido a uma crescente preferência por smartphones e tablets, a empresa está correndo para expandir para novos mercados para sua tecnologia de chips processadores e gráficos.

Uma das mais antigas fabricantes de chips do Vale do Silício, a AMD realizou grandes mudanças em seu quadro de executivos e engenheiros sêniores desde que o presidente-executivo, Rory Read, deixou a fabricante de PCs Lenovo em 2011 para assumir o cargo na AMD prometendo aumentar a eficiência da companhia.