Receita da Apple fica abaixo de expectativas, iPhone decepciona

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013 21:20 BRST
 

Por Poornima Gupta

SAN FRANCISCO, 23 Jan (Reuters) - A Apple ficou abaixo das expectativas de receita pelo terceiro trimestre consecutivo, após as vendas do smartphone iPhone, um de seus principais produtos, ficarem abaixo das previsões de Wall Street.

A companhia disse nesta quarta-feira que embarcou 47,8 milhões de iPhones, um recorde trimestral, mas que decepcionou muitos analistas acostumados com a superação da empresa frente às previsões. Wall Street previa cerca de 50 milhões, em média.

As vendas do iPad ficaram em 22,9 milhões de unidades no primeiro trimestre fiscal, em linha com previsões.

As ações da Apple caíram no after-market para 482,45 dólares, valor quase 30 por cento menor do que a máxima registrada em setembro, em parte devido a preocupações de que seus dias de alto crescimento acabaram e seus dispositivos móveis não são mais tão populares quando costumavam ser.

A intensa concorrência de sua principal rival, e também fornecedora, Samsung Electronics, e sinais de que o mercado premium de smartphones pode estar perto da saturação nos mercados desenvolvidos também têm preocupado investidores.

"Os resultados foram OK, mas eles definitivamente levantam algumas questões", disse Shannon Cross, analista da Cross Research. "Trajetória da margem bruta parece boa, e isso é positivo, e o caixa continua a crescer. Mas acho que investidores vão querer saber o que a Apple planeja fazer com seu crescente caixa".

"E outras questões vão surgir sobre inovação e de onde virão os próximos produtos e o que Tim Cook vê nos próximos 12 a 18 meses".

A Apple disse nesta quarta-feira que sua receita trimestral cresceu para 54,5 bilhões de dólares, levemente abaixo da média de analistas de 54,73 bilhões, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

O lucro líquido foi de 13,07 bilhões de dólares, ou 13,81 por ação, ante 13,06 bilhões de dólares, ou 13,87 por ação, um ano antes.