Lucro da Microsoft cai; mercado aguarda atualização do Office

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013 20:04 BRST
 

SEATTLE, 24 Jan (Reuters) - A Microsoft anunciou recuo em seu lucro trimestral, já que as vendas do software Office desaceleraram antes do lançamento da nova versão do produto, compensando um início sólido de seu sistema operacional Windows 8.

O lucro na maior desenvolvedora de softwares do mundo caiu para 6,4 bilhões de dólares, ou 0,76 dólar por ação, no segundo trimestre fiscal, frente a 6,6 bilhões de dólares, ou 0,78 dólar por ação, no mesmo período no ano anterior.

Wall Street esperava lucro de 0,75 dólar por ação, em média, de acordo com a Thomson Reuters I/B/E/S.

As vendas cresceram 3 por cento para 21,5 bilhões de dólares, disse a Microsoft nesta quinta-feira, em linha com estimativas de analistas.

Com perda de uma parcela deferida da receita devido a atualizações com desconto para novos softwares, a receita com o Office caiu por volta de 10 por cento para 5,7 bilhões de dólares, o que não é incomum antes de um novo lançamento, agendado para a próxima semana.

As vendas do Windows, que incluíram também receita deferida com o lançamento do Windows 8 em outubro passado, cresceram 24 por cento para 5,9 bilhões de dólares.

A Microsoft disse ter vendido mais de 60 milhões de licenças desde o lançamento, um início sólido mas não espetacular para seu mais recente sistema operacional.

O papel da Microsoft caiu levemente no after-market.

(Reportagem de Bill Rigby)