Ações do Facebook caem com crescimento decepcionante de anúncios

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013 15:55 BRST
 

31 Jan (Reuters) - A ação do Facebook chegou a cair 8 por cento nesta quinta-feira, já que o crescimento da receita com anúncios em dispositivos móveis no quarto trimestre não atendeu às expectativas de Wall Street.

O Facebook há muito estabeleceu-se como um dos sites mais populares do mundo, com mais de um bilhão de usuários, mas investidores temem que até que a estratégia de publicidade em dispositivos móveis da companhia decole, o crescimento da receita continue inconstante.

Três corretoras reduziram seus preços-alvo para o papel, mas a maioria dos analistas disse que as expectativas de investidores eram altas demais e que o negócio de anúncios em dispositivos móveis do Facebook é uma boa aposta no longo prazo.

A ação da empresa recuperou parte das perdas iniciais e eram negociadas a 31,13 dólares, baixa de 0,08 por cento, às 15h45 na Nasdaq. O papel perdeu mais de um quarto de seu valor desde sua problemática estreia em maio.

"Permanecemos encorajados pela capacidade do Facebook de atrair dinheiro publicitário em dispositivos móveis no jovem mercado de anúncios no segmento", disse o analista Brian Nowak, do Nomura.

O presidente-executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, disse que a companhia será capaz de faturar mais com usuários conectando-se a suas contas no Facebook em seus dispositivos móveis do que em desktops.

(Reportagem de Neha Alawadhi e Sayantani Ghosh)