Corte dos EUA rejeita recurso da Apple contra Samsung

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013 18:51 BRST
 

Por Dan Levine

SAN FRANCISCO, 4 Fev (Reuters) - Um tribunal de recursos dos Estados Unidos rejeitou nesta segunda-feira um pedido da Apple para acelerar a análise do pedido de proibição de vendas de vários celulares da Samsung.

Um juiz de instância inferior havia rejeitado a solicitação da Apple por uma injunção preliminar após um julgamento de grande visibilidade no ano passado.

Em sua decisão nesta segunda-feira, um tribunal de recursos em Washington, D.C., disse que, em primeiro lugar, um comitê de três juízes vai analisar o recurso da Apple. Só depois dessa etapa, o tribunal de recursos decidirá se quer ouvir o caso.

Representantes da Apple e da Samsung se recusaram a comentar.

A disputa no tribunal de recursos surge após a Apple ter obtido um veredito de 1,05 bilhão de dólares no ano passado contra a Samsung numa corte na California. Após sua vitória, a Apple buscou uma proibição permanente de vendas de vários celulares mais antigos da Samsung, mas analistas esperavam que a Apple tentasse estender esse veredito para modelos de vendas mais altas da Samsung, como o Galaxy S III/

A juiza Lucy Koh, de San Jose, California, rejeitou o pedido da Apple.

A disputa entre a Apple e a Samsung é amplamente vista como uma guerra entre a Apple e o Google. Os smartphones e tablets Samsung Galaxy usam o sistema operacional Android, do Google, que o co-fundador da Apple Steve Jobs denunciou como um "produto roubado".